mais um anjinho se vai

com 6 aninhos ele se foi na semana passada. o joca era como se fosse um dos nossos ferrets, e o mundo é um lugar menos fofo sem ele.

os pais dele contam a história dele aqui, mas é mais ou menos a mesma coisa sempre: ferrets são animais adoráveis, e quando jovens e saudáveis são a coisa mais linda de ver. só que cedo ou tarde eles têm câncer, quase sempre muito agressivo. é raro ver ferrets que chegam aos 8 anos, como o groo e a didi (ainda por aqui, firme e forte), e eu só conheço de ouvir falar uma história de um ferret de 8 anos que não apresentou sinais de câncer de pâncreas ou adrenal.

faço coro com a mãe da maíra, ou avó do joca: não compre ferrets. eu gostaria que eles parassem de ser importados para o brasil, as pessoas não sabem que animal estão adotando e aí quem sofre é o pobrezinho, seja por maus tratos, negligência ou ignorância.

e eu, que tenho condições e gosto de cuidar de ferrets, só teria mais deles se os bichinhos nascessem aqui no brasil e se não fizessem a castração tão cedo.

0 comments to “mais um anjinho se vai”
0 comments to “mais um anjinho se vai”
  1. Zel, eu nao conheço quase nada de bichos e fiquei curiosa com os fatos que voce revela sobre os ferrets. Lamento demais pelo seu bichinho (nao tenho nenhum atualmente por varios motivos mas nenhum deles porque nao gosto de bicho) entao sei o quanto essa dor é cruel. Vou me informar sobre o assunto.

    beijos

  2. Zel, a melhor “tia” que o Joca poderia ter tido 🙂

    Obrigada pelo carinho. Li em um fórum há pouco tempo, sobre outro assunto, um cara dizer que cada um deve votar com seu “dólar”. No caso, se depender de mim, não gasto mais um centavo com essas fazendas de ferrets enquanto elas não se mexerem para diminuir tamanha incidência de câncer em nossos pequenos. Estou também no coro: não compre ferrets.

    grande beijo

  3. Zel, sinto muito pelo Joca. Só quem tem bichinho é que sabe o sentimento de perda que temos, quando se vai algum dos nossos.

    Mas, eu acho correto eles virem pra cá já castrados. Já imaginou se eles pudessem procriar e ser vendidos nessas gaiolinhas no meio da avenida como fazem com cães.

    Enquanto faltar conscientizção, é o melhor a fazer.

    Que São Chico te ajude a superar esse golpe. Beijos.

Deixe uma resposta