cacti

A solidariedade marital é uma coisa linda.

Tou eu lá mexendo nas plantas e enfio a mão num dos cactos, enche de espinhos minúsculos, invisíveis mas super incômodos.

Eu: “putaquepariu encheu minha mão desses espinhos malditinhos!”

Fernando: “o que leva à questão: por que alguém cultiva cactos? Eles têm espinhos!”

Eu: “mas são lindos, olhaí. (…) que ódio, e eu já não enxergo tão bem quanto antes a ponto de tirar de boas esses espinhos micro…”

F: “ou seja: nem idade pra ter cactos mais você tem, né?”

😂😂😂

Ignorei a negatividade inata do Fer e botei na mão fita adesiva, passei cola, arranquei espinhos maiores com as unhas e depois apelei pra pinça, tirei tudo.

Quando uma mulher quer cactus, uma mulher pode ter cactus (essas plantas lindas porém assassinas).

Deixe uma resposta