Pra ver se quica

Put a keep are you — podemos parar de culpar as mães por tudo que seus filhos fazem de errado, por favor?

Entre hoje e ontem eu já vi dois posts / comentários com essa mesma lógica:

Criança faz bullying? Culpa da mãe, que não educou.

Homem não sabe limpar um banheiro? Culpa da mãe, que não ensinou.

Aí você, que é mãe e se preocupa em criar criaturas do bem, lembra de quantas vezes prefira DESFAZER os conceitos que a criança capta por osmose, porque ela não vive numa bolha né? É família, escola, TV, filme, o que você pensar, ensinando O CONTRÁRIO do que você quer que a criança aprenda.

Aqui em casa temos várias vantagens: ambos temos o mesmo ponto de vista sobre as “coisas grandes” da vida, a família e amigos que convivem com o Otto também. E ainda assim, TODO DIA temos que desfazer algum conceito equivocado.

Todo
Dia.

Temos só um filho, somos ambos educados, formados, atentos, dedicados, preocupados com isso. E nem assim conseguimos evitar que nosso filho seja afetado pelo ambiente em que ele existe. O sexismo, racismo, classismo e mais quantos -ismos vocês quiserem colocar, eles grudam na criança, mesmo com baixa exposição.

Aí a mãe, aquela que não sou eu que tenho tempo, dinheiro, educação, e um filho só, tem a obrigação de formar um ser humano maravilhoso, mesmo ele estando imerso até o nariz em merda, e um monte de gente ao redor fazendo onda.

Não tem como criar humanos melhores se a sociedade não melhorar. As mães podem fazer o melhor que humanamente conseguirem, e não vai ser suficiente.

Sim, que sejamos mães melhores, que ideia ótima, agradeço o conselho.

E os pais?
E os tios? Primos? Professores? Vizinhos?
E esses programas asquerosos que criam pras nossas crianças?
E as outras crianças na escola? Como o seu filho, que é super bem educado em casa e lava banheiro, vai ser tratado pelos coleguinhas por fazer tarefas domésticas?

E eu não tou dizendo que por conta de tudo isso não precisa educar e ensinar, não. Muito pelo contrário: estou dizendo que as mães precisam de AJUDA e não de (mais) críticas.

Lembram do tal ditado que é preciso de uma vila pra criar uma criança? Seja parte da vila. Ajude uma mãe. DÊ BONS EXEMPLOS. Sugira histórias, filmes, que ajudem a educar as crianças.

Lave a louça, amigo homem, quando for na casa dos seus amigos. Convide aquele menino que curte o tio legalzão pra ajudar, mostre que ser gentil, cuidadoso e limpo é coisa de homem, sim.

Pelamor, parem de culpar as mães.

Deixe uma resposta