Archive

Posts Tagged ‘bolo’

double chocolate banana bread

março 31, 2014 Leave a comment

juro que não sei por que chamam de “bread”, porque a verdade é que todos esses “banana bread” são bolos. mas seja qual for o nome eu sou super fã de banana bread de forma geral, e essa receita em especial faz um bolo que é de comer ajoelhado. muito fácil de fazer e sucesso absoluto pra quem gosta de chocolate, recomendo demais.

usei cacau e chocolate belga, que não sou besta, e sempre chocolate amargo. ficou bem intenso e doce na medida pra mim e pra família (mas se gostar de coisas mais doces, use chocolate ao leite).

traduzo e mantenho aqui como meu livrinho de receitas, mas a receita original é aquela ali de cima.

A aparência e o cheiro estão maravilhosos! Já já provamos (double chocolate banana bread)

ingredientes

3 bananas médias bem maduras (eu usei 5 pequenas)

1/2 xícara de manteiga derretida (115g)

3/4 de xícara de açúcar mascavo (145g)

1 ovo grande inteiro

1 colher de chá de essência de baunilha

1 colher de chá de fermento de bolo

1/4 de colher de chá de sal

1/2 colher de chá de canela (opcional. não usei e não fez falta)

1 xícara (125g) de farinha de trigo

1/2 xícara (170g) de cacau em pó (sem açúcar)

1 xícara de chips / pastilhas de chocolate (usei amargo, 75%)

 

utensílios

vasilha para misturar; peneira; garfo; colher; xícara; forma inglesa (fiz numa furada por medo da minha forma inglesa ser pequena, mas não é, o bolo não cresce muito).

modo de fazer

pré-aqueça o forno a 180C, unte e enfarinhe a forma e reserve.

amasse as bananas, adicione a manteiga, o ovo, a baunilha e o açúcar e misture bem. peneire os secos (farinha, cacau, sal, fermento e canela, se for usar), e adicione à mistura úmida, somente o suficiente para homogeneizar. adicione então as pastilhas/chips de chocolate, coloque na forma e asse a 180C por 40-60 minutos. atenção ao cheiro, que fica bem intenso quando está pronto. teste com um palito, que deve sair seco (mas o chocolate derretido das pastilhas vai aparecer eventualmente, embora a massa esteja seca).

deixe esfriar um pouco e desenforme. coma ainda quentinho ou em temperatura ambiente.

Categories: comida Tags: , , ,

bolo de farinha de amêndoas e limão siciliano

dezembro 17, 2013 Leave a comment

o meu quilo de farinha de amêndoas vai render muito ainda 😀 achei essa receita MUITO legal, e aprovadíssima, que recomendo pra quem quer testar uma opção sem farinha de trigo.

o bolo fica com jeitão (e cheiro, por conta do ovo) de pão de ló, um bolo bem levinho e baixo, suave, bem do jeito que eu gosto.

receita original aqui, fiz pequenas mudanças somente.

Bolo de farinha de amêndoa, limão siciliano e cardamomo (e atrás o bolo de banana e aveia e chocotone)

ingredientes

4 ovos separados

1/2 xícara de açúcar dividida em 2 (metade pras gemas, metade pras claras)

2 colheres de sopa de raspas de limão (usei siciliano, acho que funcionaria bem com o tahiti ou mesmo laranja)

1/4 de colher de chá de cardamomo em pó (eu usei um pouco mais, achei que pesou. use pouco)

1 colher de chá de vinagre branco (eu usei suco do limão)

1 xícara e 1/2 de farinha de amêndoas

1 pitada de sal para a clara em neve

1 colher de chá de fermento em pó

açúcar de confeiteiro para polvilhar em cima (achei legal, a cara do bolo fica outra)

 

utensílios

eu não dispenso a batedeira; forma de aro removível (acho que é mesmo a melhor opção, pois ele não solta da forma, seria difícil desenformar); papel manteiga para forrar o fundo; xícara, colher, etc.

 

modo de fazer

pré-aqueça o forno (baixo), coloque o papel manteiga na forma e unte as laterais com manteiga. reserve.

bata as gemas, 1/2 do açúcar e as raspas do limão até que esteja fofo e claro. adicione a farinha de amêndoas, e cardamomo, misture bem. a massa fica bem dura, não se preocupe. reserve.

bata as claras em neve bem firmes, com a pitada de sal. adicione o restante do açúcar e o suco de limão, até ficar cremoso.

adicione as claras batidas, bem aos poucos e lentamente, à massa de ovos/farinha, até que esteja 100% incorporado. coloque o fermento somente no final, transfira essa massa (bem mais líquida) para a forma e asse em forno baixo por cerca de 35min, ou até dourar em cima.

espere esfriar um pouco, e desenforme as laterais com uma faca (eu não consegui desgrudar o papel do fundo até que estivesse completamente fria).

polvilhe com açúcar de confeiteiro por cima, uma camada fina, usando uma peneira.

bolo de banana com farinha de amêndoas

novembro 25, 2013 Leave a comment

ando vendo muita gente usando farinha de amêndoas pra fazer bolos e tortas e morria de curiosidade. adoro amêndoas, e imaginei que ficaria muito bom! resolvi então comprar um pouco de farinha pra experimentar, e essa semana a moça que entrega a cesta de orgânicos tinha pra vender… aproveitei.

o preço é salgado (R$54 o kg, orgânico), não pretendo comprar mais tão cedo, mas valeu pra fazer experimentos.

achei essa receita que é facílima e funcionou muito bem (apesar de um erro meu, que deixei o bolo 1h parado no forno FRIO), recomendo pra quem gosta de praticidade.

Ficou lindo! A ver se é bom...

ingredientes

4 ovos inteiros

3 bananas médias

1/4 xícara de óleo

3/4 açúcar mascavo

1 xícara e 1/2 de farinha de amêndoas

3/4 colher de chá de canela em pó

1/2 colher de chá de noz moscada em pó

1/2 colher de chá de sal

1/2 colher de chá de essência de baunilha (não usei, não fez falta)

1 colher de chá rasa de fermento

1/2 xícara de chips de chocolate (usei amargo, e não colocaria de novo. mas o Fer AMOU e ficou bravo com a ideia de tirar :))

 

utensílios

1 forma pequena (com ou sem furo), vasilha pra misturar, liquidificador (dá pra fazer sem, se quiser amassar a banana)

 

modo de preparo

unte e enfarinhe a forma. pré-aqueça o forno a 180C.

bata no liquidificador os ovos, óleo, as bananas, a canela e noz moscada. quando estiver tudo misturado, coloque o sal e o açúcar, misture bem. adicione então à mão (meu liquidificador não dá conta) a farinha e o fermento. por último coloque (à mão!) os chips de chocolate, se for usar.

asse em forno baixo (180, 190C) por 40 a 60 min (depende do seu forno. aqui demorou 40min, já ficou dourado), faça o teste do palito pra ver se está pronto.

o bolo fica consistente, mas bem molhadinho. gostamos muito!

bolo de chocolate chiquezinho

outubro 29, 2013 Leave a comment

vou ser sincera — eu esperava mais dessa receita, pelos ingredientes. mas minha impressão pode estar sendo afetada pelo fato de ele QUASE ter queimado (salvei no último minuto). depois de provar 2 bocados acabei achando que ele ficou um pouco mais cremoso que o bolo normal de chocolate. vale como “bolo de festa”, mas não como “bolo de semana”, como eu costumo fazer.

Chocolate! (Quase deu errado, mas salvei)

ingredientes

3 ovos
300g de açúcar
110g de creme de leite
40g de óleo (5 colheres de sopa)
40g de ganache* de chocolate
150g de farinha de trigo
70g de cacau (coloquei metade, o meu cacau é 100% e forte pra caramba)
1 colher de chá de fermento
1 colher de chá de sal

utensílios

batedeira, vasilha e panela para o banho-maria do chocolate, medidor, colher, peneira

modo de fazer

pré-aqueça o forno a 180C.

bata os ovos e o açúcar até ficar fofo e claro. junte o óleo, creme de leite e a ganache. bata bem. adicione então os secos peneirados (farinha, cacau, sal e fermento).

unte e enfarinhe 2 formas médias, e divida a massa em 2 para assar. asse por 20-30min em forno baixo (180C). fique atento, ele realmente assa rápido.

desenforme depois de frio, recheie e cubra com a ganache (ou invente seu recheio/cobertura!). o bolo é bem macio, cuidado ao manipular para montar.

**

a ganache: consiste de manteiga, chocolate (usei callebaut 70%) e creme de leite. pra essa quantidade de bolo, pode usar 150g de chocolate, 1 lata de creme de leite e 2 colheres de sopa cheias de manteiga.

derreta o chocolate em banho-maria, junte o creme de leite e manteiga, misture bem e mergulhe de cabeça dentro deste recipiente de prazer culinário (brincadeira, espere esfriar um pouco e pode rechear ou cobrir os bolos).

🙂

Categories: comida Tags: , ,

bolo de laranja e gotas de chocolate amargo

outubro 25, 2013 Leave a comment

além de bom esse bolo é facílimo. e o chocolate é opcional, sem também funcionaria muito bem. a receita me foi passada pela amiga querida claudia letti, cozinheira de mão cheia e amiga da vida toda.

 

ingredientes

3 ovos

1 xícara de óleo

1/2 xícara de leite

1 laranja inteira (cortada em quatro, tirando o “miolinho” que tem a pele branca e as sementes)

1 xícara de açúcar

2 xícaras de farinha

1 colher de sopa de fermento em pó

1 colher de chá de água de flor de laranjeira (opcional)

1/2 xícara de gotas de chocolate amargo (opcional)

 

utensílios

liquidificador, vasilha para misturar, colher e xícara para medir

 

modo de fazer

pré-aquecer o forno a 180C, untar e enfarinhar uma forma média.

bater no liquidificador os ovos, óleo e leite, adicionar a laranja, água de laranjeira e açúcar. bater bem, até liquidificar completamente. adicionar então a farinha e o fermento, e bater bem. à mão, adicionar as gotas de chocolate, misturar bem e colocar na forma para assar.

assar por 30-45min em forno médio, ou até dourar em cima.

o bolo fica assim:

Gente, O CHEIRO.

Te dedico, @raquelny <3

Categories: comida Tags: , , ,

pão de coco

outubro 21, 2013 Leave a comment

esse blog tem as receitas mais legais, é uma referência excelente pra doces e salgados. quando tenho um ingrediente e estou sem ideias corro pra lá e passo horas sofrendo pra escolher uma receita. é de lá essa receita deliciosa que ela chama de pão mas que é na verdade um bolo.

não é muito doce, mas não é neutro, é um bolo suave (e delicioso). facílimo de fazer, ótimo pra comer com um café.

ingredientes

2 ovos grandes (usei 3 pequenos, do galinheiro do meu pai)

1 xícara e 1/4 de leite

1 colher de chá de extrato de baunilha

2 xícaras e 1/2 de farinha de trigo

1 xícara e 1/2 de coco ralado seco — 140g (eu tinha 1 saquinho de 100g e usei ele todo, ficou bom)

1/4 de colher de chá de sal

2 colheres de chá de fermento em pó

1 a 2 colheres de chá de canela (eu fiz sem, pra conhecer a receita. acho canela muito dominante. colocarei na próxima)

1 xícara de açúcar

6 colheres de sopa de manteiga derretida

 

utensílios

assadeira (eu usei uma inglesa e me dei mal, a receita vazou fora dela. usaria uma forma baixa média na próxima, ou uma com furo no meio), 2 vasilhas para misturar, misturador ou garfo, e colheres/xícaras para medir.

 

modo de fazer

unte e enfarinhe a forma, reserve. pré-aqueça o forno em temperatura baixa (180C).

misture numa vasilha a farinha, sal, fermento, coco e canela (se usar). deixe um buraco no meio para incorporar os líquidos.

misture em uma vasilha os ovos, o leite e a baunilha, e bata bem até espumar. adicione essa mistura aos ingredientes secos, até incorporar, mas sem bater. por último adicione a manteiga derretida, sem bater, com delicadeza e observe hipnotizado como essa massa é linda 🙂

asse então em forno baixo por 1h – 1h e 15min, ou até dourar em cima e quando fizer o teste do palito ele sair sequinho. deixe esfriar um pouco antes de desenformar.

Categories: comida Tags: , , ,

mais um bolo sem farinha

setembro 24, 2013 Leave a comment

não tenho restrição nenhuma a farinha branca, nem glúten, deusmelivre. não entrei na onda de “comidas más”, e nem entrarei. sou entusiasta da variedade e equilíbrio na alimentação e na vida — é uma meta que ainda não atingi completamente, mas é esse o jeito que decidi me alimentar e também viver.

os testes e tentativas com ingredientes alternativos têm a ver justamente com essa minha convicção de que variedade é sempre bom, e eu neste caso acho a substituição incrível por 2 motivos: grão de bico é mais nutritivo que a farinha de trigo e o sabor também é interessante, diferente. só tem vantagem 🙂

confesso que duvidei um pouco do resultado, seja pela consistência do bolo ou pelo sabor. como estou acostumada a comer grão de bico sempre com muito tempero (alho e cebola em especial), imaginei que o sabor fosse muito forte. a verdade é que ele tem um gosto bem peculiar, mas não é exatamente forte ou marcante. somente o suficiente pra deixar o bolo um tiquinho mais interessante.

procurei receitas na internet e achei diversas, todas bem parecidas, e usei essa aqui, que vou simplesmente transcrever para manter aqui no blog que virou caderninho de receitas.

bolo de chocolate com grão de bico

ingredientes (é um bolo pequeno!)

2 xícaras de chá de grão de bico cozido (eu tirei as cascas, não sei se precisa)

4 ovos inteiros

1 colher de sopa de manteiga

1/2 xícara de açúcar

1/2 colher de chá de essência de baunilha

1 colher de chá de fermento em pó

1 pitada de sal

140g de chocolate meio amargo derretido (eu usei 70%, ficou bem forte)

100g de chocolate meio amargo em pedaços ou gotas (usei ao leite, pra compensar)

farinha de trigo ou chocolate em pó para “enfarinhar” a forma

 

utensílios

liquidificador ou processador, vasilha de misturar, forma inglesa ou de buraco no meio (usei essa, funcionou bem)

 

modo de fazer

derreta o chocolate em banho-maria ou no microondas, reserve.

unte e enfarinhe (com farinha ou chocolate em pó) a forma. pré-aqueça o forno a 180C.

bata no liquidificador o grão de bico, ovos e manteiga até virar uma pasta. adicione então a baunilha, fermento e sal, bata bem. adicione essa massa ao chocolate derretido, misture bem. coloque então as gotas de chocolate, misture bem, coloque na forma e leve ao forno baixo por 50 minutos.

o bolo desenformou muito fácil, ainda quente. é um bolo sequinho (eu gosto muito de bolo assim), então se preferir mais molhado, faça uma calda de chocolate derretido e creme de leite, ou aquela calda de bolo de cenoura, que deve ficar bom também.

bolo de banana incrivelmente saudável :)

abril 12, 2013 4 comments

sou fã de bolos, a essa altura vocês já devem ter percebido. adoro experimentar coisas novas, e adoro doces com fruta. aí ganhei uma receita deliciosa de uma amiga querida que recomendo demais.

ela é facílima (10 minutos de preparo. juro!) e menos de 30min de forno médio, na minha casa. detalhe incrível: não vai açúcar e nem farinha de trigo.

duvida? teste, e depois venha aqui me agradecer 🙂 pra vocês terem ideia, o fer que é completamente formigão (e detesta receitas naturebas), amou. bem, o otto ama tudo e nem conta como referência.

ingredientes (receita pequena, dá uns 8 pedaços pequenos)

– 2 bananas nanicas BEM maduras, quase estragando (quanto mais madura, mais doce. eu usei da prata, e não tava muito madura, porque é o que eu tinha. aí coloquei o mel pra compensar)

– 1 xícara de aveia

– 1/2 de xícara de óleo

– 2 ovos inteiros

– 1 colher de sopa de fermento em pó

– 1/2 xícara de uvas passas pretas

– (opcional) 2 colheres de sopa de mel

– (opcional) 1 colher de café de canela (eu coloquei e coloco sempre, porque amo)

– (opcional, para experimentar) eu colocaria castanhas picadinhas também, de preferência de caju mas acho que qualquer uma ficaria boa. não coloquei porque o marido não é fã

 

utensílios

– liquidificador

– forma inglesa (aquela de pão de forma) ou outra forma pequena (se for duplicar a receita pode usar forma maiorzinha)

– colher e xícara pra medir

– vasilha pra misturar

 

modo de fazer

unte e enfarinhe a forma (eu sempre enfarinho, mas acho que pra essa receita só untar funciona, o bolo é bem sequinho), reserve.

bata no liquidificador os ovos, a banana e o óleo (e o mel, se for usar). adicione então a aveia e a canela, bate bem. misture à mão, na vasilha, as passas (e castanhas, se for usar) e o fermento. incorpore bem, coloque na forma e asse em forno médio por cerca de 30 minutos. atenção: 30min no meu forno QUASE queimou. fica de olho, quando dourar já testa e tira, ok?

update (out/13): experimentei uma mudança e gostei muito. forrei a forma de bolo com uma camada de mel e bananas cortadas, até cobrir tudo, e coloquei a massa do bolo por cima. fica como uma calda de açúcar, e a banana cozinha e gruda na massa. achei incrível! pra quem não gosta de muito doce não recomendo, porque fica BEM docinho 🙂

fica assim e é delicioso:

Bolo de banana, aveia e mel. Aprovado!

Categories: comida Tags: , , , , ,

uma receita que cheira a natal

dezembro 11, 2012 9 comments

descobri esse bolo aqui, e só no último mês já fiz 3 vezes. o bolo é realmente incrível, bem do jeito que eu gosto — com fruta, saboroso, consistente e cheiroso. mas o mais legal é que descobri também que este é um bolo considerado “domínio público” americano, pois leva ingredientes simples, não vai leite nem manteiga. há centenas de receitas dele por aí, todas muito parecidas.

fiz pequenas adaptações na receita do link — usei macadâmia, que adoro e acho que dá um crocante indispensável no meio do bolo, não uso baunilha e reduzi a quantidade de óleo. funcionou perfeitamente, o bolo fica lindo, cheiroso e delicioso. faço então minha transcrição da receita, para referência futura 🙂

quanto ao tipo das maçãs, francamente não sei qual usei, não consigo reconhecer. marido comprou “maçã argentina”, não sei dizer qual é a variedade, só sei que não é fuji. de verdade? acho que qualquer uma funciona.

fiz esse bolo de presente de natal para uma família de amigos, e acho que esse cheiro de maçã e canela combina demais com natal. combinado com sorvete, para aplacar o calor do nosso hemisfério nessa época, fica perfeito!

Quase uma receita ;)

ingredientes

3 maçãs grandes ou 4 médias, descascadas, sem miolo e cortadas em pedaços médios

1/2 xícara de macadâmia cortada ao meio (ou mais… quanto mais melhor :D)

3 xícaras de farinha de trigo

1 colher de chá de bicarbonato de sódio

1/2 colher de chá de sal

1 colher de sopa de canela em pó (parece muito, mas não é)

2 xícaras de açúcar

3 ovos

1 xícara de óleo

 

utensílios

1 forma grande com furo no meio (já fiz esse bolo em forma de papel, tipo colomba pascal, pra dar de presente, e funciona bem também)

batedeira, pelo amor de deus 🙂 (dá pra fazer sem, eu acho, mas olha… haja braço)

peneira

vasilha para peneirar os secos e para guardar a maçã picada

colherão pra misturar

 

modo de fazer

pré-aqueça o forno em temperatura baixa, 180C.

descasque, tire miolo e pique as maçãs. das 2 primeiras vezes piquei pedaços pequenos, mas depois de pesquisar sobre essa receita, descobri que pedaços grandes são melhores, pois cozinham e ficam bonitos e meio “caramelados” na massa. recomendo assim. reserve.

peneire a farinha, canela, bicarbonato e sal, misture bem, bastante e reserve.

bata na batedeira os ovos inteiros, óleo e açúcar por cerca de 5 minutos no modo “poder” da sua batedeira. cuidado, que nem toda batedeira aguenta bater tanto, vá dando folga pra ela. a ideia é que a mistura fique fofa e clarinha.

junte à mistura de ovos/açúcar e óleo, aos poucos, a mistura de farinha, até incorporar tudo muito bem. e não se assuste (como eu me assustei): a massa é BEM consistente, parece quase massa de pão. juro que dá certo.

misturando agora à mão, adicione os pedaços de maçã e a macadâmia. recomendo usar a colherona, porque com a de sopa eu não consigo misturar tão bem. é difícil incorporar, porque a massa é dura, mas tenha paciência e misture bem, lembrando de “puxar” a massa de baixo da vasilha, para não ficar com massa sem maçã e macadâmia no fim.

esse é o otto, 2 anos e 3 meses, me “ajudando” com o bolo. ele quebrou os ovos, ajudou a misturar a massa e quis experimentar depois ainda crua (adorou, a canela e açúcar são uma coisa juntas, não?)

Meu ajudante fazendo bolo de maçã pra levar pra escola amanhã <3

aí é colocar a massa na forma já untada e enfarinhada, às colheradas (não dá pra despejar esse bolo na forma, é realmente colher a colher). asse então no forno baixo por 1h – 1h e 30min (depende do forno), até dourar em cima. faça o teste do palito, deve sair sem grudar (mas não sai completamente seco, o bolo tem pedaços molhados).

espere pelo menos amornar para desenformar, e sirva com o lado de cima pra cima, que é mais bonito e crocante. ele fica molhado por dentro e crocante por cima/fora. pode servir com sorvete, calda de caramelo, ou puro com café, que é o jeito que eu mais gosto.

esse bolo não cresce muito, mas compare a foto da massa crua na forma (1a foto do post) e essa foto aqui, depois de assado e frio. ele quase chega à borda e durante o tempo de forno ele cresce pra fora da forma (só depois ele baixa). portanto, cuidado se ele ainda cru ficar muito na beirada da forma (um dos que eu fiz transbordou, a sorte é que coloquei outra forma embaixo e aí comemos as casquinhas crocantes que caíram… :D)

Para as crianças

e me conte se você experimentar. esse atualmente é meu bolo preferido! e pode ser dado de presente, depois de salpicado de açúcar de confeiteiro e embaladinho num pano bonito.

bolo gelado e brigadeiro chique

agosto 29, 2012 14 comments

sou super fã do le chef gatô, vocês sabem, o melhor brigadeiro que já provei. ano passado encomendei todos os brigadeiros da festa do otto com ele, e foi sucesso absoluto (até hoje as pessoas comentam “ahhh o brigadeiro…”).

esse ano resolvi que não encomendaria nada que pudesse preparar em casa para a festa, comprei somente os ingredientes, enfeites e pães. fiz um “tema culinário” saudosista — comidas e bebidas da nossa infância (nós = nascidos na década de 70). tivemos carne louca, bolo salgado de pão pullmann (um clássico das festas de pobre dos 70 e 80!), batata bolinha vinagrete pra comer de palitinho, pipoca, brigadeiro e bolo gelado de coco (sim, é aquele embrulhado no papel alumínio, super molhadinho).

como o bolo ficou bem bom e o brigadeiro ficou ótimo (apesar de não ser à altura do brigadeiro do ednei), vou compartilhar a receita com quem quiser arriscar, especialmente porque apesar de encontrar algumas receitas na internet, nenhuma ficou boa de cara, fiz adaptações e mudanças importantes. aqui vão então as minhas receitas.

brigadeiro chique

Feito em casa (mas com Callebaut e Président!)

1 lata de leite condensado moça (não use outro, não é igual)

75g de chocolate belga ao leite (usei callebaut, comprei online aqui)

75g de chocolate belga 70% (usei callebaut, comprei online aqui)

1 colher cheia de manteiga sem sal, em temperatura ambiente (usei président)

para cobrir usei granulado callebaut também, do ao leite e do meio amargo, para variar. precisa de pouco granulado, mas não sei dizer exatamente quanto, talvez um prato raso, 100g mais ou menos?

utensílios: você vai precisar de 1 panela de fundo grosso, 1 colher de pau, 1 pratão pra esfriar o brigadeiro, 1 pratão para o granulado e forminhas de papel.

nada é mais simples que fazer brigadeiro: em fogo baixo, adicione a manteiga, o leite condensado, o chocolate e mexa, mexa, mexa. sempre prestando atenção ao fundo da panela, porque a mistura vai ficar homogênea e começar a soltar do fundo. a massa pega “liga” e forma uma película no fundo — quando você mexe a massa e vê claramente o fundo da panela, é porque está bom, é coisa de 10min no máximo. não se preocupe se parecer um pouco mole, o brigadeiro precisa esfriar para enrolar. coloque num prato, coma todo o restinho da panela e da colher, por favor, e espere.

ao esfriar, chame alguém pra ajudar (fazer brigadeiro com os amigos é muito mais legal) unte as mãos com manteiga e use uma colher de chá para ir tirando pequenas porções para enrolar na palma das mãos. passe pelo granulado, coloque na forminha e pronto.

ficou simplesmente maravilhoso, sem modéstia nenhuma (até porque quem fez todas as receitas, sob supervisão minha e da minha mãe, foi o weno :))

 

bolo gelado

Bolo gelado

6 ovos em temperatura ambiente

3 xícaras de açúcar (usei 2 e 1/2)

4 xícaras de farinha

1 colher de sopa de manteiga sem sal em temperatura ambiente

1 xícara de leite fervendo

1 colher de sopa de fermento em pó

para o caldo/cobertura: 1 lata de leite condensado, 1 garrafinha de leite de coco, 1 medida da lata de leite, coco ralado seco

utensílios: batedeira eu nunca dispenso, colher para medir e mexer, xícara para medir, forma quadrada/retangular grande, garfo para furar, vasilha para o caldo, concha para o caldo, faca e colher para cortar e separar, papel alumínio, outro papel bonitinho pra embalar, se quiser

unte a forma com manteiga e enfarinhe, reserve. misture os ingredientes da calda e reserve.

separe os ovos, bata as claras em neve bem firme e reserve (eu coloco 1 colher de açúcar da receita pra manter a clara reservada, dura melhor). bata as gemas e açúcar por mais ou menos 10min, ou até criar volume tipo uma gemada. adicione aos poucos o leite, a manteiga e a farinha, até incorporar tudo muito bem.

à mão, adicione o fermento e por último as claras, com cuidado, até incorporar tudo.

asse em forno médio-baixo por cerca de 30min ou até o bolo dourar levemente. atenção — o bolo não deve dourar demais, a casca precisa ficar fina tanto em cima quanto embaixo! faça o teste do palito pra ver se está pronto, e tire do forno logo que estiver bom.

tire o bolo do forno, fure com um garfo (usei um garfão de churrasco) o bolo todo (para a calda penetrar) e jogue a calda com a concha, aos poucos, vá observando o bolo absorver o líquido. coloque tudo, com paciência. ao acabar, corte o bolo em pedaços do tamanho que vai querer embrulhar (normalmente pedaços pequenos. esse bolo dá uns 40 pedaços!), com bastante cuidado pra não quebrar. lembre que o bolo está morno e molhado, corte com carinho. coloque o coco ralado por cima, e coloque na geladeira.

deixe gelar por 3h e então comece a embalar 1 a 1, com o papel alumínio (eu cortei tudo antes de embalar, pra facilitar) e depois com outro papel, se quiser. usei embalagens de bem casado, e fechei com adesivinhos em forma de bolinha.

sirva em caixa imitando bolo, ou na mesa mesmo. sucesso absoluto! 🙂