meus links favoritos

vocês já clicaram ali em LINKS? são poucos, mas bons links que eu recomendo sobre assuntos de quem tem filhos 🙂

o mais novo na lista é o sushi de mãe, da querida lu terceiro.

se vocês que me lêem escrevem seus blogs sobre os assuntos relacionados, me mandem os links! conforme for visitando (e gostar, claro, pra poder recomendar), divulgo aqui, ok? dicas e recomendações são sempre bem-vindas.

o cardápio do ogro

não sei muito bem como é a dieta de outros bebês, mas sei que nem todos comem muito bem. aqui na família a exceção é só minha irmã, que sempre deu muito trabalho pra comer, e até hoje é bem seletiva. eu e meu irmão, por outro lado, comíamos até pedra (segundo minha mãe, enquanto minha irmã apanhava pra comer, eu e meu irmão apanhávamos pra parar :)).

tenho seguido a recomendação do pediatra desde o início, com toques e dicas da babá. as diretrizes são:

– cerca de 750ml de leite ao dia, espalhados

– 2 refeições principais (almoço e jantar) com todos os componentes: carboidratos, vegetais, grãos, proteína

– nada de sal, nada de açúcar. ervas e temperos com moderação, um pouco de azeite nas 2 refeições

– aumentar os pedaços dos alimentos conforme o bebê vá aprendendo a mastigar (no caso do otto, com 8 meses já dava pra dar pedaços)

– conforme o bebê for crescendo, separar mais a comida (evitar sopinhas, papas, comida toda misturada), pra ele se acostumar às cores, texturas e gostos diferentes

– frutas, várias, todos os dias

– (dica da babá) quiabo, sempre, pra ajudar o intestino

 

bom, seguindo essas dicas, a dieta do otto com 1 ano tá assim:

 – acorda entre 6am-7am
 – entre 7:30 e 8am mama 120-150ml, come um pedaço de pão (pequeno), um pouco de queijo cottage (2 colheres de sopa, mas se deixar come mais, hahahaha), ou um biscoito de polvilho. se quiser fruta, damos, mas normalmente ele não quer
 – 10:30am come fruta, e o tipo e quantidade variam de acordo com a vontade dele. a gente oferece sempre banana, pera, mamão, melancia e pêssego. ele adora também caqui e abacaxi, quando tem. tem dias que ele come um pouco de cada (1/2 mamão + 1/2 pêra, ou 1 banana inteira e mais amora ou goiaba ou jabuticaba, que a gente pega do pé e ele adora). mas tem dia que come 1/3 de banana, só, ou um pedaço de pêssego
 – 12:30 ele almoça, servimos sempre arroz (3 colheres de sopa) e feijão (3 colheres de sopa) + 2 colheres de sopa de carne/frango+ovo/peixe refogados com tomate, cebola e algum vegetal (quiabo, brocoli, couve, cenoura, abobrinha, a mistura mais de 1 às vezes e varia) + 2 colheres de sopa de um purezinho de abóbora ou mandioquinha (ou as 2 misturadas). colocamos sempre azeite (1 colher de chá) e vários temperos, normalmente os frescos que tem no quintal (manjericão, orégano, alecrim). às vezes misturamos um pouco de queijo no purezinho, mas normalmente é simples. ele odeia comida seca, então tudo tem que ser bem molhadinho 🙂 depois do almoço ele gosta de fruta, a gente oferece sempre laranja (ele come no mínimo 1/2, às vezes ela toda), melancia, pera e melão. a proteína é assim: frango+ovo 3 vezes por semana, carne 3 vezes por semana e peixe 1 vez por semana. ele come proteína em todas as refeições.
 – 3pm mama 180ml, e a gente sempre oferece fruta também. normalmente ele come
1 pedaço pequeno de fruta, às vezes mais (pêssego, que ele ama, às vezes come inteiro)
 –  5:15pm janta, normalmente damos uma sopinha de macarrão com tudo
 (legumes, alguma hortaliça, mandioquinha, abóbora/cenoura e alguma carne +
 temperinhos e azeite). ele come 2 conchas enormes cheias! depois ainda come
 alguma fruta (ele adora laranja e melancia de sobremesa, mas come também
 pera e melão)
 – 8pm mama 180ml
 – meia-noite mama 210ml, e aí vai mamar de novo só no dia seguinte

 vejam que seguimos basicamente a recomendação do pediatra dele na dieta de todo dia: proteína, arroz e feijão (ou macarrão, ou batata), legumes (cenoura ou abóbora, abobrinha ou chuchu ou beringela, mandioquinha ele mandou dar SEMPRE), hortaliças escuras (brócoli, couve, espinafre, pra evitar anemia) e frutas todas. pão, queijo e biscoito de polvilho a gente dá pra ele ter como acompanhar a gente no café da manhã e não se sentir excluído, mas é pouco 🙂

 quase não dou batata pra ele, porque desde o início deu muitos gases e prendeu o intestino. damos pouco, preferimos outros carboidratos (macarrão, arroz, feijão, nhame, cará e sempre a mandioquinha). ele AMA macarrão, então damos na sopa.

 sobre o comportamento: ele gosta de ajudar a comer, temos dado arvorezinhas de brócoli, por exemplo, ele adora. mas qualquer coisa que der ele come, embora ele não goste da consistência de coisas melequentas (por exemplo: banana muito madura ele não come!). ele gosta das frutas mais aguadas, tipo melancia, laranja e melão. e tem outra coisa: ele ADORA que a gente coma a comida junto com ele, faz questão que a gente experimente tudo (brincamos que ele nunca vai morrer envenenado, hahahaha). e gosta muito de comer junto com a gente, embora ele coma sozinho no cadeirão, todo dia. quando comemos e ele está junto, ele faz questão de comer da nossa comida (e às vezes almoça dobrado por isso).

 a verdade é que fora o sal e temperos mais fortes, a comida dele é basicamente igual à nossa. nossa alimentação é no dia a dia é arroz, feijão, alguma carne, legumes, salada. eventualmente comemos alguma fritura, mas é tipo 2x semana. ele ainda come a comida separada da nossa, mas estamos aos poucos convergindo 🙂

 fomos inserindo cada uma das coisas aos poucos. o otto nunca recusou nada definitivamente – com a devida paciência e insistência ele experimentou quase tudo até o momento e come numa boa. mas também seguimos a dica dele de não insistir muito: não quer, tenta depois, vai oferecendo uma fruta aqui e outra ali, complementando, e dá certo. e fomos aumentando as quantidades (e o tamanho dos pedaços) conforme ele pedia e aprendia a mastigar a única coisa industrializada que ele come é pão (se é que posso considerar assim) e biscoito de polvilho, que ele come quase nada, só pra fazer graça.
 de resto, nada de sal, açúcar, bolacha, nem cereal ou iogurte (até porque não temos costume de comer). suponho que manteiga e requeijão ele vá comer, porque a gente AMA 😀

ele dorme super cedo (7:30pm no máximo ele tá dormindo), por isso damos o jantar bem cedo, e aí acabou a comilança, só leite. até poucos dias atrás ele tirava 2 sonecas por dia (manhã e tarde), 1:30 cada, mas percebemos que ele está dormindo menos. mas basicamente ele passa o dia comendo, como dá pra perceber pela rotina.

vamos aproveitando enquanto ele tem bastante disposição pra comer, pois sabemos que algumas crianças perdem o apetite (ou ficam mais seletivas) depois. mas se ele puxar o pai e a mãe, vai comer bem sempre 🙂

o médico e o monstro

tenho falado sobre sono do bebê desde o início, porque esse foi sempre o maior problema com o otto. nas melhores noites ele acorda 2x. nas piores, a cada 1h (ele dorme das 19h-6h, faça a conta :().

nossa sorte é que o fer pode ficar acordado à noite pra administrar o monstro, ou não sei o que seria de mim, já que preciso acordar e ir trabalhar. ele pode quase sempre dormir depois do serão, já eu…

há 2 semanas mais ou menos ele voltou a virar o monstro da noite, e acordar chorando com mais frequência. não é dor, fome, calor, frio, sede, nada. ele acorda porque está extremamente agitado, e não consegue dormir de novo. é estranhíssimo porque ele sequer chega a acordar — não é o caso de perder o sono e querer brincar, fazer outra coisa. ele claramente quer dormir, mas parece não saber como. ou melhor, ele sabe como: indo pro nosso colo. só que decidimos que não vamos mais pegá-lo no colo pra dormir durante a noite, somente na hora de dormir oficial.

pois que nestas 2 semanas estamos num inferno. ele dorme no horário de sempre, mas passa a noite acordando/chorando. até que lá pelas 4 ou 5 da manhã desistimos e trazemos ele pra nossa cama. e aí o drama é outro: ele simplesmente não para quieto, e é impossível dormir com ele do lado. fico das 5 às 7 da manhã ajeitando o menino na cama, dando a mão e fazendo ele dormir de novo (a única vantagem é que não precisa ficar sentado do lado do berço, mas dormir é impossível).

ele engatinha, dá tchau e ri dormindo. e chora. e tenta levantar, e chuta. não para quieto por 10min. imagine a noite toda assim, que delícia (not).

e durante o dia ele é uma graça: só sorrisos, brincalhão, come bem, etc. fica com sono de manhã e à tarde (tem que fazer dormir também, e costuma dormir ao todo 3h por dia). de dia é o médico, simpaticão e fofo; à noite é o monstro, temos vontade de fugir.

simplesmente não sabemos o que fazer. agora já nem dá mais pra deixá-lo sozinho no berço chorando, porque ele levanta meio dormindo, e cai no berço. temos medo dele se machucar ao cair, por mais que tenha proteção de berço.

olha, não tá fácil. espero que seja alguma agitação passageira, dentes, sei lá, porque não aguentamos mais.

quaisquer dicas, simpatias e macumbas pra fazer bebê dormir direito são bem-vindas.