filho virginiano com ascendente em virgem, mãe pisciana com lua em sagitário

acho astrologia super divertido, do mesmo jeito que gosto de tarô: não como futurologia, mas como forma de autoconhecimento e análise através de arquétipos e mitos. o legal é ver o mapa todo, o signo solar isolado não faz muito sentido, como sempre diz o Acuio.

aprendi, quando me tornei mãe, que a nossa lua no mapa é uma representação da mãe que somos, e a minha é sagitário. sempre adorei minha lua, que representa meu lado bem-humorado e otimista até nas tormentas mais horrorosas. jamais me abato (ou me abato somente temporariamente, dura pouquíssimo o desânimo), e vejo a vida com muito humor. como mãe, sou mesmo muito palhaça, brincalhona, não levo as birras muito a sério, sou geralmente bem flexível.

(mas não queira nunca me ver brava)

contei essa história toda porque sou mãe-palhaça de uma criança que — coincidência ou não — nasceu virginiana, com ascendente em… virgem. pra quem não sabe, virgem é pureza, método, análise (mas é também amor pela natureza e apego físico, tão bonito!). virgem é um pouco literal. o otto, talvez pela idade, é MUITO literal. muito analítico e, bem, nem sempre muito bem-humorado 

**

hoje eu ri sozinha de um (de muitos) típico confronto da mãe-palhaça com a criança-analítica, e registro pra um dia contar pra ele e rir (sozinha, claro, já que ele não vai achar nenhuma graça):

Otto: “mamãe, vou fazer uma comida pra você com essa panela e essa pá. você sabia que a minha pá tem olhos?”

(a panela é um potinho de plástico, e a tal “pá” é um negócio cheio de buracos, uns 10, usada pra fazer múltiplas bolhas de sabão. parece mesmo uma pá, mas com buracos)

Eu: “ah é? e quantos olhos ela tem?”

Otto: (ar de “que pergunta óbvia”) “dois, mamãe…”

Eu: “ah, igual a gente… mas sabe quantos olhos tem uma ARANHA, Otto?”

Otto: (em tom de reprimenda) “mamãe, NÃO TEM aranha NA COZINHA, viu?”

Eu: (mimimi)

**

Vai ver é isso que me cabe, de fato: levar um pouco de surrealismo pra vida desse menino tão sério e que sabe tudo. Aiai.

Leave a Reply