obrigaDOS

[20-jul-2013]

As conclusões infantis em relação à língua são divertidas demais de observar. O Otto tende a falar “obrigada”, pois convive com muitas mulheres, é o que ele ouve. Hoje, enquanto explicava pra ele que se diz “obrigado”, no caso dele que é menino, comparei: “o Otto e o papai falam obrigadO, a mamãe fala obrigadA”.

 

E ele, rindo de mim, corrigiu: “eu e o papai falamos obrigadOS, mamãe!” <3

 

Sabido demais, ele menino 🙂

 

(E com senso de humor goofy, que é o que me deixa mais cheia de orgulho. Se conseguir ensiná-lo a rir de bobagens e de si mesmo já vai ser a melhor herança que poderia receber)

Comments are closed.