Bilíngue

Otto assistindo um walkthrough detalhado de um jogo que ele está amando (Hollow Knight, pra Nintendo)

Eu: “Otto, mas essa pessoa tá falando MUITO palavrão!”

O: “I know, but he explains about EVERYTHING… it had to be a downside to it.”

🤣🤣🤣🤣🤣🤣

Tempo livre

Servi almoço pro Otto, e comentei que adorava o dia da faxina. Ele, muito espantado:

O: “mamãe, você só tem 2 dias sem trabalho na semana, e um dos dias você faz faxina. Como pode você gostar? Você devia odiar ter que trabalhar no seu dia livre!”

Mas gente! ❤️❤️❤️

Eu: “bom, se eu detestasse fazer faxina, acho que você tem razão. Mas eu gosto! Gosto de me mexer e adoro o resultado, então tá tudo bem.”

É muito pouco tempo que a gente tem pra não fazer nada, ou fazer coisas que não tem propósito senão nos fazerem felizes né?

Que a geração dele lute pra ser muito mais ociosa (e livre) que a nossa ❤️

Etimologia

Como é bonito observar as crianças aprendendo e criando hipóteses né? Até por isso sempre que lembro eu devolvo perguntas pro Otto quando ele me faz perguntas. As respostas dele são sempre mais legais que as minhas 😀

Ontem no banho ele me veio com essa:

O: “mamãe, se PESADELO é um sonho ruim, eu acho que sonhos bons deviam ser LEVEDELOS, porque o ruim é pesaaaaaado como uma pedra e o bom é levinho como uma nuvem!”

Eu: “ah que fofo! Amei a ideia, deixa ver na etimologia da palavra [já aproveitei pra explicar] e vamos ver de onde vem”

Pois é daí mesmo que vem! Pesadelo é de fato derivado de peso, não é incrível?! Mas fica mais incrível, acompanhem.

O: “e nightmare, de onde vem? Deve ser de algum monstro que só vem à noite!”

Gente, eu fui pesquisar e SIM É ISSO: night (noite) + maere (tipo de demônio, criatura).

A língua é só uma expressão da nossa vivência, afinal, e a gente se esquece. Como é bom lembrar de arriscar e criar hipóteses! Eu amo ter o Google à mão, mas aprender com suposições é muito mais gostoso ❤️

Homework

Tradução livre minha, resposta à tarefa de escrever sobre a experiência dele no 4o ano:

Os alunos estão esperando para sair de férias do 4o ano e começar o 5o!

No entanto, Otto tem um problema: como prêmio pelo ano escolar, no final ele vai ganhar um jogo: PIKUNIKU, e está sendo… quase impossível esperar, e ele precisa ser legal enquanto espera.

Ele conseguirá esperar e ser legal, ou seu pai cancelará seu videogame?

Para descobrir, leia no livro do 4o ano!

Figura de linguagem

🤣🤣🤣🤣🤣🤣

Fernando, #paidecesárea, foi espiar o menino tomando banho enquanto ele estava de olhos fechados lavando o cabelo.

Quando ele abriu os olhos quase morre de susto, deu um grito e reclamou:

— “papai, não faça isso!! Meu coração quase parou, METAFORICAMENTE.”

❤️❤️❤️

**

Acabei de saber, também, que vira e mexe o Otto fala coisas tipo “isso tá demorando UM MILHÃO DE ANOS”, e quando Fer responde algo tipo “Afe, Otto, não passou nem 5 minutos!” o menino responde:

— “HYPERBOLE, dad.”

Estamos lascados 🤣