Spin

Otto acordando hoje cedo, subitamente, senta da cama e diz:

“Os elétrons estão muito irritados! Os MEUS elétrons.”

Depois deitou e dormiu de novo.

Se fosse de noite eu saía correndo e chamando um físico prum exorcismo.

Lista

Eu: “Otto, semana que vem você não precisa ir pra escola e vamos fazer um passeio incrível — vai ser uma expedição arqueológica !”

O: “VERDADE? Uma expedição arqueológica de verdade? Esse é o meu sonho número 8!!!!”

HAHHAHAHAHHAHAHAHA ❤

Ele ordena os sonhos!

Focus

Todo dia:

Nós: “Otto, estamos falando com você! Responde por favor!”

Hoje:

O: “Pessoal, é que eu estou focado, aqui!”

🤣🙄

IBGE

Otto ontem conversando com a avó Vera:

V: “seu vô Gê vem hoje, né? Tá contente?”

O: “não tenho certeza que ele vem. Acho que tem 60% de chance dele não vir. E 40% de chance dele vir. Então não sei.”

V: “HAHHAAHAHAHAHA!”

E veio, e Otto tá bem feliz 😀

Empreendedor

Otto essa semana me avisou que vai criar uma empresa com a melhor amiguinha, a L., e que já tem equipe definida 😀

O: “vamos construir coisas, e cada um vai ter tarefas diferentes!”

Eu: “opa, e o que cada um vai fazer?”

O: “vocês vão construir; eu vou projetar e a L. vai ANALISAR”

Hahhahahhahahaha!

Eu: “nossa, e o que ela vai analisar?”

O: “os meus projetos, ué, caso eu tenha cometido algum erro!”

HAHAHHAHAHAHAHAHAHAHA!

O: “ah, mas eu sou o dono, porque a ideia foi minha!”

😀

Segurança em 1o lugar

Quando eu falo que a criança é um velho em forma de criança, as pessoas não acreditam.

Fernando tirando o Otto do carro essa semana:

F: “Otto, eu vou tirar a trava da porta do carro, pra você poder descer sozinho. Você já tá grandinho, e não tem mais perigo, afinal você sabe que só pode abrir a porta em lugares seguros né?”

O: “… melhor você deixar, não tira não.”

F: “ah não, vou tirar!” (Tirou)

O: (foi lá e colocou a trava de volta!) fechou a porta.

Virginiano, né?

Metamorfose

O: “não quero queijo, não gosto de queijo.”

F: “nossa, mas você amava. O que aconteceu?”

O: “cara, as pessoas mudam!”

HAHHAHHAHAHAHHAHAHHAHA

Dia das mães

Queria que no dia das mães todo mundo lembrasse de toda a dificuldade que envolve esse papel.

Que discriminam mães porque precisam cuidar dos filhos, e faltar eventualmente no trabalho porque não tem ninguém que ajude.

Que lembrassem que há mais de 5M de crianças sendo criadas só pelas mães. Que mulheres que querem ser mães são preteridas em vagas de emprego.

Que tem um montão de mulheres que são mães e não queriam ter sido, mas não tiveram a opção de abortar.

Que ser mãe cansa cansa cansa e não temos sequer direito de reclamar, de errar, de perder a paciência, que não temos o direito de desistir. E quando desistimos, ou cansamos, somos crucificadas.

Que sempre tem um monte de gente pra dar palpite sobre como ser uma mãe melhor mas não tem ninguém pra vir pra sua casa te ajudar a poder tomar banho, dormir, comer uma refeição em paz.

Nenhuma mãe prefira de presente, mas precisam de ajuda no dia a dia e apoio emocional, porque é incrível, mas é MUITO puxado.

Fofura de linguagem

Fernando conversando com Otto agora à noite:

F: Fiquei sabendo que você brincou de Saci hoje cedo, se divertiu muito…

O: Sim, me diverti. E a mamãe morreu de dar gargalhadas. … … … … Não literalmente. É expressão.

❤️❤️❤️❤️

Como não morder essa criança, gente?

Literal

Eu: “mas Otto, você me pediu isso umas mil vezes!”

O: “não foram mil vezes.”

Eu: “é um jeito de falar…”

O: me sacaneando, “sim, eu sei que foi um modo de dizer, não era literal!”

Virginianos, gente, quem suporta?