o que passa

depois de muita insistência de uma amiga americana que compartilha do meu gosto pelo terror (28 days later, supernatural e etc.), resolvi assistir true blood.

a série é muito boa e dá vontade de seguir. os vampiros são totalmente anne rice (a série até se passa na louisiana!), os efeitos são ótimos e a protagonista é a coisa mais fofa do universo. mas… tem uns personagens chatinhos que dá vontade de matar, e ter vontade de matar personagens da série com freqüência acaba irritando; e pelo menos nessa primeira temporada achei pouco vampiro e muito o-povo-do-interior-e-seus-preconceitos.

e pra quem gosta de filmes e livros de vampiro, é cansativa a analogia entre eles e gays-pretos e excluídos em geral. lembrem que a série dos vampiros já martela esse assunto desde 1976, mas enfim, chatices de tia velha 🙂

achei o tom de terror bom, tem hora que dá medo de verdade. o vampiro-protagonista é bem assustador às vezes. e, não querendo ser repetitiva e já sendo, ele é um louis revisitado, cheio de dramas de consciência e em busca da humanidade perdida.

gosto especialmente de 2 coisas: os vampiros saindo do armário oficialmente e convivendo com os humanos, e aquela abertura que é absolutamente maravilhosa – música delícia, i wanna do bad things with you, e as crianças se lambuzando de frutas vermelhas, massa!

continuarei assistindo com prazer, mas é isso: nada genial nem novo. realização bem feita de idéias já um tanto gastas.

conclusão: gostei, mas prefiro mil vezes supernatural 🙂

por quê? os protagonistas são lindos e engraçados; as histórias são assustadoras e originais; os monstros e lendas variam, contribuindo para a cultura geral :D; há momentos emocionantes apesar do tema trash; e me lembra neil gaiman. prontofalei.

4 comments to “o que passa”
4 comments to “o que passa”
  1. e crepúsculo, zel ?

    eu nem sou tão fã de terror mas me surpreendi, li o primeiro livro e só parei no último !!!!

    quer dizer, pensando bem, acho que crepúsculo nem é terror de verdade … está mais na linha de Moonlight que também é uma série sobre vampiros.

  2. Zel,

    chega até a ser engraçado o fato de que eu comecei a ver True Blood no domingo e venho ao teu blog e cá está você escrevinhando sobre a série. Namorado pegou a série e lá fomos nós nos viciar em mais uma, como se não bastasse “Big Bang Theory” (que eu amo)!!! Achei a série bacana, e já me animei a encomendar os livros que deram origem ao seriado, mas mesmo assim, ainda sinto falta dos vampiros da tia Anne Rice. Ah, que saudade do Lestat…

    Beijos.

  3. Zel, tenho assistido e curtido a série – acho o vampirón Bill muy guapo, com aquele arzinho atormentado…

    Ainda nao decidi se gostou ou nao da abertura. A música é bem legal, mas as imagens de animais mortos sao repulsivas. Adoiro a mulher fugindo do batismo! O sotaque daquele povo me dá nos nervos e Marido me falou que quer muito visitar um bar qualquer praquelas bandas, pra conferir se o uniforme das garconetes procede…rs…

    Acho o cozinheiro do bar simplesmente fantástico, o dono do bar é fofinho mas chatinho, ainda nao tive ganas de matar nenhum personagem… Vamos ver se continua legal – assisti ontem ao 5 episódio da 1 temporada. Vc tem mais alguma série / filme legal pra indicar?

Deixe uma resposta