encerramento de um blog

e esta é a primeira vez, em 11 anos escrevendo em blogs, que oficialmente encerro um deles, sem previsão de volta.

ferrets são animais incríveis. tenho um amor e admiração enorme por eles, e sinto muito por não tê-los mais na minha vida. e apesar de toda o amor e admiração, creio fortemente que não devíamos importá-los. digo mais: as pessoas deviam parar de comprar animais em lojas. há muitos animais da nossa fauna que podem ser adotados, então por que importar, por que comprar?

esse é assunto longo, e que não quero desfiar aqui, no último post deste blog. mas se alguém chegar aqui procurando informação sobre ferrets, recomendo este post, e recomendo a melhor veterinária que tive o prazer de conhecer, thais thomaz. o carinho e dedicação dela com os animais é tocante.

já tínhamos decidido não comprar mais ferrets em lojas desde 2003, desde então só adotamos animais que outras pessoas não queriam (e às vezes pagamos por isso, as pessoas não querem mais o bicho mas não querem dar…). mas então por que decidimos a partir de agora nem adotar mais? porque agora temos um bebê, atualmente com 1 ano e 2 meses, e bebês são incompatíveis com ferrets.

ferrets não devem ser criados presos em espaços pequenos, eles precisam no mínimo de um cômodo pra si, com brinquedos e estímulo, pois são muito ativos. porém são extremamente frágeis e nem sempre são sociáveis. não é incomum que sejam agressivos, mordam e não gostem de ser manipulados. e, muito importante, não são quase nunca “simpáticos” como os cachorros, que adoram atenção e gente junto deles. neste aspecto, se parecem com os gatos mais ariscos. como misturar um animal frágil e frequentemente arisco com um bebê, que não tem noção da força e quer brincar com tudo que vê? seria uma vida de separação, que só traria problemas pra nós.

ficamos então com a pretinha até o fim da sua vida, cuidando dela e protegendo, mas ela ficou restrita ao seu quartinho, pois não dá pra prender um bebê engatinhando. era preocupação demais deixar os 2 soltos, optamos por deixá-la no seu quartinho, pois já estava velhinha e sem paciência.

espero que este blog possa ser útil para quem precisa entender mais sobre ferrets, e que sirva pra que alguém DESISTA de comprar um. para o bem deles. quem sabe um dia as pessoas param de comprá-los, e param finalmente de trazê-los de avião pra cá, depois de exaustivas horas de viagem num compartimento enquanto eles ainda são bebês.

pense nisso antes de comprar um ferret, ou qualquer outro animal: por que você quer um animal de estimação? se a resposta for qualquer coisa que não o simples desejo de compartilhar a felicidade de viver junto com outra criatura, não o faça. ter animais por status é muito pouco, é vazio. eles merecem mais que isso, e você também.

beijo e amor pra vocês todos, meus 8 ferrets queridos! vocês sempre viverão na minha memória e nas lindas fotos que me fazem morrer de saudade e amor.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>