sonho de igualdade

É louco observar esse mundo dos homens do século passado. Um mundo em que as mulheres são:

 

Enfeite

Suporte

Alívio

Fardo

Troféu

 

Repare que elas (nós, eu) nunca são:

 

Referência

Par

Meta

Ídolo

Exemplo.

 

Sempre tem os que

 

(nossa como são legais, eles!) 

 

agradecem à santas mães

 

(por tê-los botado no mundo e criado, tarefa mais importante da vida de uma mulher)

 

e também às zelosas

 

(e lindas, porque vocês sabem que beleza é fundamental)

 

esposas, por permitirem que eles se dediquem ao seu sonho e vocação, e sejam esses homens ma-ra-vi-lho-sos.

 

 

Tou pra ver homens elogiando, admirando e usando mulheres como referências intelectuais. Como se elas fossem homens, sabe? (Cof cof)

 

 

Aliás, quantas de vocês já ouviram que

 

“Nossa, você é tão legal, tão inteligente, NEM PARECE MULHER!”

 

(Todos sabem que mulheres são serem complexos e instáveis, com humores inescrutáveis e, acima de tudo, não são confiáveis)

 

Hoje em dia talvez ninguém mais fale isso, mas certamente pensa. Ou fala de outro jeito, mais moderno:

 

“Você não é como as outras!”

 

ASOUTRAS, aquelas que não me tratam como minha mãe ou minha (futura) esposa, sabem? Com a veneração e submissão que todo macho merece.

 

 

Tenho aqui uma fantasia secreta de que as meninas de 20 vão ler esse texto e pensar — “nossa, essa mulher de meia idade está BEM LOUCA, quem são esses homens de outra era aos quais ela se refere?!”

 

 

Porque se minha fantasia se realizar, é sinal que o macho do século passado tá em extinção, e é só uma questão de tempo e paciência pra vermos homens admirando mulheres, como iguais. É só uma questão de tempo para eventos terem homens e mulheres palestrando. É só uma questão de tempo para ver mulheres no poder em todas as esferas. E ver mulheres sendo citadas igualmente como cientistas, escritoras, cineastas, artistas de toda sorte.

 

 

E quem sabe, em breve, não seja tão triste observar ao meu redor e ver mulheres brilhantes e maravilhosas sendo reconhecidas somente pelas suas bundas, pelo fato de terem parido os filhos dos veneráveis homens ou basicamente por cuidar deles.

 

 

Quero viver muito pra ver um mundo em que a gente vai poder nascer mulher sem ter que ser bela e cuidadora pra ser valorizada.

Deixe uma resposta