diário do otto: 1 ano e 7 meses

otto,

vejo suas fotos e é incrível como você está enorme. sério — estou com dificuldade de carregar você no colo, menos pelo peso e mais pela altura mesmo. eu sou pequena, e você está cada dia mais comprido, e com cara de menino-crescido. essa noite peguei você de madrugada pra trocar e dar de mamar, e tive dificuldade de colocar de volta no berço, de tão grande que você está 🙂 logo logo sua mãe-pigméia não vai mais conseguir carregar você!

esse mês percebemos algumas mudanças sutis na sua fala, você tem arriscado uma ou outra consoante (você gosta especialmente dos sons SH e TCH, tipo “LIXO”. aliás, você ADORA jogar coisas no LISH :D), e algumas combinações de vogais. mas ainda se comunica basicamente usando as vogais tônicas e apontando. o que tem sido bem conveniente e funcional. temos que nos forçar a repetir os nomes das coisas antes de ceder, pra ver se você se anima a falar. mas olha: pra quem ainda não fala, você é muito tagarela, viu? passa o dia pedindo coisas, apontando, “conversando” e manifestando suas vontades de rei-do-mundo. e nesse fim de semana você falou “ÔTRO”, pedindo mais um pedaço de pêssego, já que eu estava demorando muito pra descascar. concluí que talvez seja preciso você passar fome pra começar a falar 😀

você está andando e correndo muito bem, já arranhou o joelho várias vezes e “desconta” sua raiva nas coisas que “batem” em você muito bem. o chão é vítima constante das suas surras, mas o mais engraçado é que você nos obriga a brigar e bater também no chão ou nos cantos que (aham) batem em você. todo mundo precisa se unir para castigar os que machucam você, hehehehe!

ah, e agora você já arrisca subir nos móveis, apesar da nossa insistência pra que você evite. sei que precisamos deixar você se arriscar um pouco, mas entenda que pais de filho único são mesmo um tanto neuróticos, bebê. enquanto pudermos proteger você, protegeremos. e ainda assim você bate a cabeça, arranha o joelho e faz uma bagunça danada.

achamos que você começou a ficar um pouco mais sociável, tentando interagir com outras pessoas, mesmo desconhecidas. aparentemente você prefere adultos a crianças, e mulheres a homens. queremos colocar você na escolinha logo que fizer 2 anos, para começar a aprender como funcionam os relacionamentos em grupo. por enquanto, você é o dono de tudo, e não precisa dividir nada (coisas ou espaço). queremos que você cresça consciente da necessidade de conviver, respeitar e se relacionar com todo tipo de pessoa. mas não ainda 🙂

sua alimentação continua ótima, você come absolutamente de tudo e adora tudo. esse mês experimentou pipoca doce e amou, comeu direitinho. continua amando quiabo e brócoli, e de vez em quando nos fins de semana, batata frita junto com a gente. continuamos investindo para que sua alimentação seja a melhor possível em casa (o máximo de orgânicos, sem sal nem açúcar, sem gordura), mas não somos radicais nem neuróticos. você come bolo de fubá, experimenta sorvete, come batata frita com a gente no fim de semana. só não damos de forma alguma refrigerante e evitamos ao máximo comidas industrializadas (embutidos, enlatados, corantes, etc.). mas não vamos transformar essa convicção numa cruzada: você vai comer o que tiver pra comer. sem frescura.

aliás, em 1 semana faremos nossa primeira viagem internacional juntos, vamos para a dinamarca! 15h de avião, 5 horas de fuso e um local completamente diferente do que estamos acostumados. sabemos que há muitos desafios nesta viagem, mas queremos que você nos acompanhe em todo tipo de atividade e que aprenda a se adaptar a lugares, comidas, climas diferentes. desde pequeno.

e hoje você já entende tudo! falamos com você como uma pessoinha, obviamente simplificando nosso discurso, mas você consegue entender tudo. tem sido cada vez mais simples e gostoso estar com você, conforme você cresce. você está se tornando um menino educado, obediente e carinhoso. sem-vergonha, é claro, sempre nos testando e tentando aprontar alguma, mas isso só mostra o quanto você é esperto e inteligente. vamos domando você, aos poucos, ensinando a viver em grupo sem perder sua alegria e curiosidade.

suas noites têm sido melhores (com algumas exceções), você acorda frequentemente 1 vez por noite somente. e a hora de dormir é super divertida, a gente conversa e brinca bastante, até que você pede pra dormir ou pra guardar o livro de histórias, e às vezes se joga na nossa cama como quem diz “DEU!”. aliás, você está apaixonado por livros! pega os seus próprios livrinhos e traz pra gente ler, sentando no nosso colo, é muito lindo! <3

estamos adorando você jogando beijos (e dando beijos na bochecha, de vez em quando), rindo de cócegas, brincando de dona aranha e reconhecendo TODOS os bichinhos dos seus livros de história (a gente fala o nome e você aponta certinho o bicho certo). amamos você mais e mais, e quanto mais o conhecemos, mais amamos. você é nosso príncipe querido e temos muito orgulho de você.

continuamos tirando muitas fotos, e fazendo vídeos, pra você poder acompanhar seu próprio crescimento um dia 🙂

um beijo cheio de amor, da mamãe.